Entre Eu e Você – Capítulo 7 de 10

Entre Eu e Você

 

Capítulo Anterior

 

Ela gostou, mas não podia gostar. Mas eu também gostei muito, então falei as palavras mais loucas da minha vida para uma garota que não conhecia muito … Olhei nos olhos e disse: “Eu largo tudo por ti. Largo minha sociedade com meu pai, largo meu carro, largo minha casa, largo meus sonhos, largo meu mundo, mas eu quero você. Eu preciso de você, eu gosto de você, quer dizer, eu te amo.” Depois dessas palavras, ela olhou pra mim e riu. Eu não entendi, até que ela disse que não caía em “papinho” de ricaço, que ela sabia que eu não tinha sentimento, e que ela seria só mais uma mulher pobre que ele enganaria.

 

Depois de tais palavras, paguei a conta do hospital, peguei meu carro e fui embora. Dentro do carro, lembrei e percebi que meu pai sempre esteve certo, o que importa é a grana, pois as pessoas jamais lhe entenderão, por mais que você a ame, que você queira o bem desta, elas vão achar que você quer algo em troca. No caso, que eu queria, mas era algo tão simples, e tão bom, que era o amor dela. Mas agora eu deveria voltar ao meu rumo natural, ao não nasci para amar, nasci para gastar e ganhar dinheiro. Sou o homem-dinheiro e isso é o que quero ser.

 

No dia seguinte, me acordei na cama de um homem bem-sucedido, ao lado de uma linda e sexy acompanhante, a acordei e paguei-a pelo ótimo serviço prestado. Me levantei, fui para o meu banheiro luxuoso, tomei meu banho. Depois vesti minha roupa de homem bem-sucedido e pronto para o serviço. Comi pouco e rápido, típico de um homem bem-sucedido,peguei meu carro e fui para o trabalho. No caminho, peguei o típico engarrafamento. Quando fui ligar o som do carro, não sei pra que, olhei pro retrovisor, ao olhar para o retrovisor, vi Rosa numa moto pobre atrás de mim. Resolvi não dá atenção. Com o andar do engarrafamento e depois, quando o caminho ficou mais livre, percebi que a “doida” estava me seguindo. Parei antes de chegar no trabalho, e antes que eu pudesse perguntar o que ela fazia ali, ela desceu da moto, tirou o capacete e me roubou um beijo. Depois pôs o capacete, subiu na moto e foi embora. Pronto, agora que eu não entendo anda mesmo, essa guria quer me enlouquecer.

CONTINUA PRÓXIMO CAPÍTULO

Anúncios

Um comentário sobre “Entre Eu e Você – Capítulo 7 de 10

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.