Associação dos Sonhos Perdidos

 

Capítulo Anterior

 

Ao sair da prova, Jéssica teve uma surpresa, o tal homem tinha uma namorada e esta era muito ciumenta, e esta após ver os dois juntos, atirou nos dois. O Homem morreu, Jéssica foi para o hospital. O tiro acertou um lugar complicado e após a operação, Jéssica caiu em coma. A família da “Louca” passou a pagar e cuidar de Jéssica e da filha dela, Estrela, que virou um xodó da família.

O tempo passou, 2000, 2001, 2002 … 2007,2008 … Até que em 2009, Jéssica, quando ninguém mais acreditava, desperta do coma. Estrela que estava ao lado de sua mãe começou a chorar, Jéssica se assusta com aquela adolescente ali. Os médicos vão rápido para o quarto e examinam Jéssica, que ainda fica de observação no hospital por pelo menos mais uma semana. Ainda no leito, Jéssica conhece a família que cuidou dela e não resistiu ao saber que perdeu o final da infância de Jéssica e que também perdeu o curso que tanto lutou para ingressar. Jéssica olhava para Estrela e pedia desculpas para sua filha. Estrela dizia que a mãe dela não precisava se preocupar, que ela havia sido muito bem criada.

Após o passar daquela semana, Jéssica conhece seu novo lar e sua nova irmã, a guria que tentou matá-la. Nos primeiros dias, tudo “sussa”, e a vida seguiu normal, até que no fim daquele mês de Março, Jéssica junto com sua nova “irmã” acabam caindo em tentação e sem mais ninguém naquela casa, as duas começam a se “esfregar” ali mesmo no sofá. Após 15 minutos, todos estavam de volta e pegaram as duas no flagra. Naquele instante, o pai da família se indignou e expulsou Jéssica de casa e ainda impediu que ela se encontrasse com a filha, Estrela.

E agora? Só no próximo capítulo ….