Após matar seu melhor amigo, Raquel foi relembrada por Zé Rodrigues que ela era uma vampira, um ser da escuridão, um ser que não pensava na paz, mas que sabia fazer a guerra, um ser que respeita sua hierarquia e mais nada. Um vampiro não era como nos filmes da saga Crepúsculo, vampiro era sanguinário, frio, calculista e arrogante, e que o maior objetivo d eum vampiro é ter um exército só seu, um país só seu, o mundo só pra si. Como Ashley estava na mesma região que Raquel nao havia mais tranqulidade, agora era conseguir o maior numero de servos, independente da qualidade, e principalmente, não se apegar a nenhum deles, como ela fez com Charles. Raquel aceitou seu destino, voltou para os Estados Unidos e começou a “caça aos pescoços”

Ashley, com todo seu charme, conquistou em poucas horas, alguns times escolares e universitários de futebol americano e basquete. Raquel com toda sua sapiência, conquistou alguns “nerds” e “pseudonerds” para seu exército. Os noticiários nos EUA, naquela noite, noticiaram vários desaparecimentos nas escolas do país. Os deputados e senadores foram convocados para debater o assunto e tentar entender o que estava acontecendo. Enquanto alguns milhares de americanos estavam se “matando” comendo um McDonalds with Coke, outros estavam sendo mortos ou transformados em vampiros. Se Ashley e Raquel continuassem na velocidade daquele primeiro dia, metade dos estadunienses se tornariam vampiros em apenas 2 dias. Ashley era mais cruel, sabia que sua sensualidade atraía todos os homens, e quando ela falava em sexo, as presas caíam fácil. O placar naquela noite era de alguns milhões de vantagens para a loirinha.

O amanhecer nos Estados Unidos após aquela noite sangrenta era um cena terrível. Ashley e Raquel não estavam nem aí, para quem se salvaria ou não. As duas foram autoras da maior extinção de seres humanos em único dia. Eram milhões de corpos incinerados por toda parte do país, de Nova York a Califórnia, da Flórida a Seatle, até nas Dakotas, a cena era desoladora. As poucas centenas de vampiros que sobreviveram do sol, começaram a agir antes mesmo de conhecerem suas “amas”. A carníficina continuaria? O que aconteceria com tantos vampiros a solta nos EUA? Boraiev sorria de seu palácio, Zé continuava preocupado. Ashley estava se sentindo “A VAMPIRA”, enquanto Raquel ainda lembrava do amigo. O que esperar dos próximos capítulos? Nem o autor sabe.

Anúncios