No distante Reino do Meu coração,

Uma rainha se apossou,

os parlamentares da emoção, da razão e da safadeza

aprovaram sua coroação.

 

Várias medidas foram adotadas,

o reino floresceu e se desenvolveu.

A oposição começou a pedir sua cassação,

ao ver a rainha falar em amizade e não em paixão.

 

 

A MP do Beijo que custou a ser aprovado,

A do abraço e do sorriso, sempre existiram.

Os deputados do coração sempre exigiam sua permanência,

Razão e Safadeza não mudavam, sempre na oposição.

 

A medida provisória de que o coração era dela,

foi sempre discutida pelo congresso.

O principal debate visava avaliar

Absolutismo ou parlamentarismo?

 

Os deputados do coração eram absolutistas,

acreditavam no “Deus, Salve a Rainha!”

Enquanto isso, os Racionais julgavam isso ser sempre avaliado,

os safados acreditavam que a democracia era essencial.

 

A rainha, as vezes, estava bem aprovada pelo povo,

em outras, o deixavam em dúvida.

Os deputados debatiam, debatiam muito,

até que decidiram que ela iria definir.

 

Foram dias de expectativa,

ninguém sabia o que ela iria definir.

A medida real seria decretada,

mas várias vezes foram adiada.

 

Os racionais já começavam a falar em “golpe”

quando os emocionais tiveram a resposta.

A data estava definida.

E aí, será que a Rainha seguirá a frente deste reino?

 

No Distante Reino do Meu Coração - Dexaketo

Anúncios