Possíveis Candidatos a Presidente do Brasil em 2018 (Com um Lava-Jato no Meio)

Me antecipando quase 2 anos na história, cito alguns candidatos a Presidente do país. Nós sabemos que existe um processo policial e jurídico que pode mudar tudo do dia para a noite. O Lava-Jato vem colocando político fortes no cenário Nacional no meio da sujeira, seja como citados ou como réu. Mas quem pode aparecer na disputa em 2018, se tudo seguir na normalidade no mundo político.

Lula 1989

LULA (PT), com apoio do PC do B

Lula é o nome mais “ameaçado” na disputa a presidência, por ser o que mais possui problemas com a “Lava-Jato”, até a publicação deste post, Lula já era réu em 5 distintos casos no Judiciário, sendo 4, só no Lava-Jato. Porém , Lula ocupa o primeiro lugar nas pesquisas de intenções de votos, e porém, de novo, é o que possui o maior índice de rejeição!

ALCKMIN, AÉCIO ou FHC (PSDB), com o apoio do PMDB

Alckmin sai a frente de Aécio na disputa, principalmente, após as Eleições Municipais de 2016, já que parte de sua base de sustentação no partido saiu vitorioso nestas. Aécio viu seu candidato perder as eleições em Belo Horizonte, e para piorar, viu seu nome aparecer diversas vezes na Lava-Jato. Um terceiro nome cresce nos últimos meses, o nome do Ex-Presidente Fernando Henrique. O único a não aparecer nas delações (até agora), também aparece como solução devida a sua fama de “Salvador econômico. FHC é o pai do Real, moeda que retirou o Brasil da era da Hiperinflação. O que pesa contra FHC é o fato de ser lembrado como o pai das Privatizações, e por não ter concorrido a nenhum pleito desde 1998.

marina-silva

MARINA SILVA (REDE), com o apoio do PSB

Sempre nome forte na disputa para Presidente, Marina, hoje, seria a única a ganhar de todos no Segundo Turno, mas essa é a principal barreira da fundadora do partido REDE Sustentabilidade, superar o terceiro lugar. Marina é nome certo na disputa.

alvaro-dias

ALVARO DIAS (PV)

A saída de Alvaro Dias do PSDB, em 2015, tem um objetivo óbvio – A Presidência. Alvaro Dias poderia surgir como uma opção aos eleitores tucanos, uma fuga aos tradicionais nomes. Alvaro pode crescer durante as eleições, é bom ficar de olho. Caso não saía para Presidência, deve tentar o governo do Paraná, porém essa opção é no último caso.

bolsonaro

JAIR BOLSONARO (PSC)

Principal nome da Ultra Direita, é um nome que cresce, principalmente, nas redes sociais. Com o discurso de “Honestidade” e ser o candidato da “Moral e dos Bons costumes”, é o candidato mais polêmico da disputa, e isso, pode ser a chave do sucesso para Bolsonaro. O ex-militar já é chamado de “Trump Brasileiro”, e como nos EUA, podemos ser surpreendidos com o resultados nas urnas. Nome certo no pleito.

Ciro 2002

CIRO GOMES (PDT), com apoio de Lula e do PT, caso ele não possa ser candidato

Nome certo na disputa, Ciro tentará ser Presidente pela terceira vez. A sorte de Ciro na disputa ficará a mercê do “Lava-Jato”, sim, pois o seu principal apoio pode ser de Lula, que só não seria candidato, somente se seu nome fosse barrado. Mesmo sem o apoio do Ex-Presidente, Ciro já mostrou força no Nordeste, principalmente no Ceará.

Luciana Genro

LUCIANA GENRO(PSOL)

Em ascensão na Esquerda, e podendo se tornar protagonista nesta parcela da população, o PSOL pode ter o melhor desempenho da sua história. Caso Lula não seja candidato, parte dos votos do PT mais de raiz poderia migrar para o PSOL, devido a resistência ao nome de Ciro Gomes. Luciana Genro é o principal nome do partido a disputa, já que Freixo deve se manter dentro do perímetro eleitoral fluminense.

ronaldo-caiado

RONALDO CAIADO (DEM)

Assumindo um papel de protagonista no processo de Impeachment de Dilma, Ronaldo Caiado aparece como um provável candidato dos Democratas. O Partido, que desde 1994 se coliga ao PSDB, poderia lançar novamente Caiado a disputa (ele foi o único político dos Democratas, na época PFL, a concorrer ao pleito eleitoral na história do partido na nova era republicana). Caiado pode ser um nome forte entre os eleitores da Direita, podendo ganhar votos da base de sustentação do PSDB e do PV. Poderia ser uma opção “mais branda” ao Bolsonaro, apesar que o eleitor de Bolsonaro se apresentar bastante fiel. O nome de Caiado não se apresenta como forte na disputa, porém pode surpreender.

Cristovam Buarque

CRISTÓVAM BUARQUE (PPS)

Cristóvam que estava no PDT desde 2005, teve sua saída motivada pela chegada de Ciro Gomes ao partido, e obviamente, ao seu nome enfraquecer na disputa a presidência. O senador, pelo DF, é um dos nomes a disputa pelo PPS. O antigo Partido Comunista Brasileiro não lança candidato desde 2002. O nome de Cristóvam é o único com força para se lançar ao cargo maior do Executivo.

OUTROS NOMES

ZÉ MARIA (PSTU)

EYMAEL (PSDC)

LEVI FIDÉLIX (PRTB)

FÁBIO BARBOSA (NOVO)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s