Zelândia – O Continente Submerso

Cientistas do instituto neozelandês GNS Science publicaram a descoberta da Zelândia (ou Zealand em inglês) na revista da Sociedade Geológica da América (GSA).  Este continente submerso, segundo os cientistas, cobre uma área de 4,9 milhões km², que inclui a Nova Zelândia e a Nova Caledônia.

A equipe do GNS Science diz puder comprovar, com dados coletados por satélites, que a Zelândia reúne as condições necessárias para ser classificada como continente, que são estas: elevação sobre a zona circundante, geologia distintiva, uma área bem definida e uma crosta mais espessa que a do leito oceânico normal.

Os pesquisadores afirmam que a Zelândia se formou depois da desintegração do supercontinente Gondwana, entre 85 milhões de anos e 30 milhões de anos atrás.

 Segundo o conjunto de dados dos satélites e navios de pesquisa que mapeiam todo o planeta, não existe nenhum outro lugar para ocultar um continente submerso, pelo menos não um tão grande como o encontrado pelos cientistas neozelandeses.

Para a Zelândia ser reconhecido pela comunidade científica não é preciso apelar a nenhum organismo, nem há uma lista oficial dos continentes existentes – alguns geólogos afirmam que são quatro, enquanto outros defendem que são sete –. O trabalho de Mortimer e sua equipe será validado quando outros cientistas começarem a mencioná-lo em suas pesquisas.

FONTE: EL PAÍS

 

zelandia-o-continente-submerso

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s