Portela 2017

NOTA DEXAKETO: 9,8

 

Com um desfile criativo e técnico, a Portela deixou seu recado. A escola passeou, não desfilou! Fugindo (um pouco) do tradicional azul e a branco, a escola de Osvaldo Cruz e Madureira mexeu com um assunto que entende, a água.

Se o assunto era tradicional para a Portela, o carnavalesco é o sempre ousado e criativo Paulo Barros. O carnavalesco ousou com a criatividade, como nas alas dos crocodilos, na “dancinha” da Porta-Bandeira e na Piracema da comissão de frente. A escola veio com alegorias, muito bem acabadas, com fantasias caprichadas, com um samba que se apaixona e um enredo muito bem elaborado. 33 anos sem título, que deve ir para o espaço após esse desfile.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s