Se é possível não sei,

mas para onde vejo,

tem um pouco de você,

me sinto perseguido por seu olhar.

Aquele jeito de mulher,

Aquele olhar de menina,

De repente, estava envolvido,

perdidamente dependente.

Não é todo dia

que alguém te cativa

pelas janelas da alma!

Quero todo dia me perder em seus mil olhares,

Plenamente viciado em sua convivência,

Hipnotizado por esse mar de sentimentos.